logoleft

Projetos voluntários para cuidar da vida selvagem

Ajudando a vida selvagem

Os projetos voluntários na vida selvagem são frequentes na África do Sul, devido à presença abundante de animais. Trabalhe com agentes de voluntariado responsáveis e será recompensado com programas altamente gratificantes que incluem o monitoramento dos Big 5, alimentação e cuidados de animais abandonados e trabalho com espécies ameaçadas de extinção, como guepardos e cachorros selvagens.

Os projetos voluntários da vida selvagem abrangem vários tipos de experiências de trabalho com animais selvagens, sendo no habitat natural ou em cativeiro. Embora haja numerosos programas de voluntariado da vida selvagem disponíveis no país, recomenda-se fortemente que os voluntários trabalhem com operadoras credenciadas, para que sejam incluídos em projetos legítimos.

Os programas voluntários estão voltados principalmente para a proteção da vida selvagem e frequentemente incluem a chance de ajudar na pesquisa de espécies ameaçadas de extinção. Um desses programas é o projeto Monitoramento da Vida Selvagem Ameaçada de Extinção da operadora Aviva.
Este programa de Zululand, em KwaZulu-Natal, trabalha ativamente para salvar espécies ameaçadas através do desenvolvimento, implantação e gerenciamento de projetos de monitoramento da vida selvagem, relacionados a guepardos, cachorros selvagens, rinocerontes negros e abutres. Os voluntários se envolvem no rastreamento e localização destes animais; mapeamento por GPS de locais de observação; pesquisa em comportamento animal; contagem de animais de caça; e criação e atualização de retratos falados de animais.
Também há oportunidades de ajudar a colocar coleiras de transmissores nos animais; anilhas de pássaros; contagens de abutres e estudos de ninhos; bem como a recolocação e reintrodução de animais de caça.
De modo similar, você pode trabalhar diretamente com a conservação de guepardos no Centro de espécies ameaçadas de extinção de Hoedspruit, em Limpopo. Este programa reconhecido inclui cuidados com guepardos (limpar, alimentar, ajudar ou observar o trabalho do veterinário); participar de palestras sobre aos maiores aspectos de preservação; e colocar esta teoria em prática no campo ou em outros centros especializados na pesquisa de espécies ameaçadas de extinção. Uma visita ao Parque Nacional Kruger, na vizinhança, e um safári de elefantes no Camp Jabulani estão incluídos no programa.
A Voluntours oferece um programa de voluntariado voltado para o Big 5 em uma reserva de caça na área Greater Addo Elephant do Cabo Oriental. O programa inclui o gerenciamento da preservação de caça e da reserva de caça. Ela tem um grande foco na comunidade, com voluntários interagindo com crianças de um orfanato local, com crianças abandonadas e afetadas pela Aids. Talvez o mais excitante seja trabalhar com leões, incluindo o monitoramento da adaptação destes felinos na reserva, por meio de rastreamento e registro do comportamento.
Os projetos voluntários da vida selvagem incluem o trabalho com animais órfãos em santuários de reabilitação espalhados por todo o país. Todos os projetos voluntários da África oferecem um programa parecido com esse, ou seja, auxiliar o Centro de Reabilitação Animal no Cabo Oriental a alimentar e cuidar de animais selvagens feridos e abandonados. 

Os projetos voluntários da vida selvagem abrangem vários tipos de experiências de trabalho com animais selvagens, sendo no habitat natural ou em cativeiro. Embora haja numerosos programas de voluntariado da vida selvagem disponíveis no país, recomenda-se fortemente que os voluntários trabalhem com operadoras credenciadas, para que sejam incluídos em projetos legítimos.

Os programas voluntários estão voltados principalmente para a proteção da vida selvagem e frequentemente incluem a chance de ajudar na pesquisa de espécies ameaçadas de extinção. Um desses programas é o projeto Monitoramento da Vida Selvagem Ameaçada de Extinção da operadora Aviva.

Este programa de Zululand, em KwaZulu-Natal, trabalha ativamente para salvar espécies ameaçadas através do desenvolvimento, implantação e gerenciamento de projetos de monitoramento da vida selvagem, relacionados a guepardos, cachorros selvagens, rinocerontes negros e abutres. Os voluntários se envolvem no rastreamento e localização destes animais; mapeamento por GPS de locais de observação; pesquisa em comportamento animal; contagem de animais de caça; e criação e atualização de retratos falados de animais.

Também há oportunidades de ajudar a colocar coleiras de transmissores nos animais; anilhas de pássaros; contagens de abutres e estudos de ninhos; bem como a recolocação e reintrodução de animais de caça.

De modo similar, você pode trabalhar diretamente com a conservação de guepardos no Centro de espécies ameaçadas de extinção de Hoedspruit, em Limpopo. Este programa reconhecido inclui cuidados com guepardos (limpar, alimentar, ajudar ou observar o trabalho do veterinário); participar de palestras sobre aos maiores aspectos de preservação; e colocar esta teoria em prática no campo ou em outros centros especializados na pesquisa de espécies ameaçadas de extinção. Uma visita ao Parque Nacional Kruger, na vizinhança, e um safári de elefantes no Camp Jabulani estão incluídos no programa.

A Voluntours oferece um programa de voluntariado voltado para o Big 5 em uma reserva de caça na área Greater Addo Elephant do Cabo Oriental. O programa inclui o gerenciamento da preservação de caça e da reserva de caça. Ela tem um grande foco na comunidade, com voluntários interagindo com crianças de um orfanato local, com crianças abandonadas e afetadas pela Aids. Talvez o mais excitante seja trabalhar com leões, incluindo o monitoramento da adaptação destes felinos na reserva, por meio de rastreamento e registro do comportamento.

Os projetos voluntários da vida selvagem incluem o trabalho com animais órfãos em santuários de reabilitação espalhados por todo o país. Todos os projetos voluntários da África oferecem um programa parecido com esse, ou seja, auxiliar o Centro de Reabilitação Animal no Cabo Oriental a alimentar e cuidar de animais selvagens feridos e abandonados. 

 

 

 

Dicas de viagem e informações de planejamento

Onde ficar

"Projeto de Monitoramento da Vida Selvagem Ameaçada de Extinção: Em um acampamento na reserva. Programa de Conservação de Guepardos: Cabanas de duas camas na Reserva de Caça Privada de Big 5 Kapama. Experiência com Big 5: Estação ferroviária antiga reformada (7 quartos). Centro de Reabilitação Animal: Uma hospedagem no centro. "

Quanto custa

"Projeto de Monitoramento da Vida Selvagem Ameaçada de Extinção: A partir de aproximadamente R10.600 por duas semanas. Programa de Conservação de Guepardos: Aproximadamente R18.000 por 3 semanas. Experiência com Big 5: de R7.990 por pessoa, por uma semana. Centro de Reabilitação Animal: R4 250 por uma semana; ou R3 950 por semana pelas primeiras 4 semanas."

Duração da estadia

"Proyecto de vigilancia de animales en peligro: Mínimo 2 semanas; puede ampliarse en incrementos de 2 semanas hasta un máximo de 12 semanas. Programa de conservación de chitas: 3 semanas. Experiencia con 5 Grandes: Mínimo 1 semana; máximo 12 semanas. Animal Rehabilitation Centre: Mínimo 1 semana; puede ampliarse en incrementos de 1 semana."

O que trazer

"Projeto de Monitoramento da Vida Selvagem Ameaçada de Extinção: Mínimo de duas semanas; pode ser estendido em incrementos de duas semanas até um máximo de 12 semanas. Programa de Conservação de Guepardos: Três semanas. Experiência com Big 5: Mínimo de uma semana; máximo de 12 semanas. Centro de Reabilitação Animal: Mínimo de uma semana; pode ser estendido em incrementos de uma semana."

Com quem falar

Aviva:
Tel: +27 (0) 21 557 4312
Fax: +27 (0) 86 634 2063
E-mail: info@aviva-sa.com
Web: www.aviva-sa.com

Centro de Espécies Ameaçadas de Extinção de Hoedspruit:
Tel: +27 (0) 15 793 1633
Fax: +27 (0) 15 793 1646
E-mail: students@cheetahcentre.co.za
Web: www.wildlifecentre.co.za

Voluntours:
Tel: +27 (0) 11 315 4049
Fax: +27 (0) 11 315 4050
E-mail: info@voluntours.co.za
Web: www.voluntours.co.za

Todos os voluntários da África:
Tel: +27 (0) 42 296 0594
Fax: +27 (0) 866 228 159
E-mail: allafricavolunteers@gmail.com
Web: www.allafricavolunteers.com